Obreiro da Igreja Pentecostal Deus é Amor, Joel Melo
   
 
BRASIL, Norte, CACOAL, CENTRO, Homem, de 36 a 45 anos, Portuguese, LivrosFONE (69) 9269-5186
 

  Histórico

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




 

 
 

ENTREVISTA

Ex-matador de aluguel do Paraná deixa o mundo do crime para ser obreiro na Igreja Pentecostal Deus é Amor

 

 

De Cacoal (RO)

Nelson Marialva

 

 

 

 

Nasci no dia 14 de janeiro de 1967 na cidade de Pitanga, no Estado do Paraná, num lar católico e, aos 15 anos de idade, já era menino de rua, praticando pequenas delinqüências em Guarapuava (PR), mas quando atingi a maioridade fui para São Paulo, onde comecei a trilhar o caminho do crime. Estas declarações foram feitas pelo ex-pistoleiro Joel Melo do Nascimento, hoje obreiro da Igreja Pentecostal Deus é Amor de Cacoal (RO), ao jornalista Nelson Marialva.

Segundo o ex-pistoleiro, no ano de 1985, na capital paulista, para a sua sobrevivência começou a praticar assaltos à mão armada e a fumar cigarros de maconha. “No final do ano de 1985, deixei São Paulo e segui para o Estado do Mato Grosso, onde passei a me envolver para valer com o crime”, informou o obreiro da Igreja Pentecostal Deus é Amor de Cacoal (RO), Joel Melo, ressaltando que em 1989, ainda em Mato Grosso, foi contratado por gente grande do mundo do crime. “Lá, neste mesmo ano de 1989, matei a primeira pessoa”, lembrou o ex-criminoso do Paraná.

Prisão - Por esta ação criminosa praticada em Mato Grosso, Joel Melo ficou foragido por cerca de 18 anos e, quando foi em 2007, foi preso. De acordo com o ex-criminoso, na Penitenciária Pascoal Ramos, de Cuiabá, aceitou Jesus Cristo como Salvador de sua alma. “A minha conversão aconteceu durante um trabalho evangelístico da Igreja Pentecostal Deus é Amor na penitenciária", relatou o obreiro, ressaltando que a Bíblia Sagrada diz, através de João 8:32, conhecereis a Verdade, e a Verdade vos libertará. “Então, com isso, naquele dia na penitenciária, fiquei livre das garras do diabo, que me escravizou durante 40 anos”, testemunhou Joel Melo.

Milagre – O obreiro da IPDA, Joel Melo, disse ao jornalista Nelson Marialva que, na época de sua prisão, foi o único prisioneiro na Penitenciária de Segurança Máxima de Cuiabá, no Mato Grosso, a não ir a Júri Popular. “Porque hoje eu tenho um advogado, que se chama Jesus Cristo”, declarou ele.

Joel Melo informou que, atualmente, trabalha honestamente na cidade de Cacoal (RO) e serve ao Senhor Jesus na Igreja Pentecostal Deus é Amor de Cacoal (RO), dirigida pelo pastor Francisco. “Tudo isto não é para me exaltar, mas para honra e glória do Senhor Jesus, que me libertou dos vícios, da prostituição e do mundo do crime”, completou.

  

 



Escrito por Obreiro Joel Melo às 10h45
[] [envie esta mensagem
] []


 

 

TESTEMUNHO

Igreja Pentecostal Deus é Amor

Obreiro: Joel Melo do Nascimento

Cacoal - Rondônia



Escrito por Obreiro Joel Melo às 15h08
[] [envie esta mensagem
] []


 

 
[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]